Para ouvir, clique Play:

Entrevistado:  Carlos Del Valle

Entrevistador: Bruno Shinosaki do Fim do Grid

 

Nossos sinceros agradecimentos a nossos amigos que ajudam nosso projeto no PATREON e no PADRIM! Saudações a nossos patronos Bruno Debesa, Renato Pope, Pablo Ocerin, Alexandre Pires, Leandro de Souza, Bruno Shinosaki Fim do Grid, Ricardo Bunnyman Soares, Marco Robson Oliveira, Wreygan Gomes, Bernard Port, Leandro da Paz Lopes, Kerllon Teodoro, Cristiano Seixas, Beto Patux, Luciano Castilhos, Claudio Alves, Diego Proença, Marco Santo, Alisio Menezes, Cesar Augusto, Celso Resende, Felipe Laranjeira, Joanir Pletsch. Você também pode colaborar com o Podcast F1 Brasil, com quantias a partir de 1 Obama/mês ou 3 reais/mês, os links estão logo abaixo!

Grupo do Podcast F1 Brasil – Roda com Roda no Facebook

Faça parte da nossa Liga Conjunta no Bolão do GP Predictor: Podcast F1 Brasil e Boteco F1 

Nosso canal do YouTube:

logo roda com roda youtube red bull

 

Nesta entrevista, falamos sobre:

Primórdios do PF1BR

O que levou a sua formação

Principais desafios

Edição de áudio

Paixão pelo esporte

De onde vieram os Troféus Asno Volante e PF1BR

De onde vieram os participantes

E muito mais

Nosso Patreon:

podcast patreon 550
Nosso Padrim:

padrim vermelho

Confira nossas camisetas de F1 na Gasolina Store:

Curta nossa fanpage no Facebook

Siga-nos no Twitter e no Instagram

Estamos também na TuneIn Radio e no Stitcher, além do iTunes

Música podsafe / Creative Commons: Brother Love e American Heartbreak

Feed do Podcast F1 Brasil: http://feeds.feedburner.com/PodcastF1BrasilPodcast

Categorias: Podcast

Carlos Del Valle

Podcaster. Imerso em Fórmula 1. Nada mais lógico do que um podcast sobre Fórmula 1.

4 comentários

Raphael Wilker · 22 de maio de 2017 às 19:13

Bora ouvir

Mateus Ferreira · 22 de maio de 2017 às 19:14

Já ouvi

André Colares · 29 de maio de 2017 às 15:35

Excelente entrevista, Del Valle. Crescendo ainda mais a admiração que tenho por você e toda a sua equipe. Espero que continuem sendo dessa forma, com naturalidade e paixão, pois F1 e Medicina são coisas difíceis de se trabalhar e conversar nos dias de hoje. Abração.

    Carlos Del Valle · 29 de maio de 2017 às 15:45

    Obrigado pela força André! Abração

Deixe seu Comentário