Para ouvir, clique Play:

Screen Shot 2014-03-31 at 12.18.32 AM

Host: Carlos Del Valle

Convidados deste programa:

Eduardo Casola Filho, da Rádio Push to Pass

Valesi, do Melhor Blog sobre Nada

Sérgio Siverly, do Boteco F1

Neste programa estão incluídos os resultados da enquete dos Troféus, esperamos que você tenha votado, se não votou, o Bahrein está aí…

Feedback dos ouvintes. Patetices habituais nas sobras de gravação no fim do programa.

  •  Pit Stop da Red Bull para Daniel Ricciardo
  • Caveira de canguru no chassis
  • Mecânico da Sauber assoprando os freios do Gutierrez (blowjob) 
  • Massa (ordens para não segurar Bottas)  
  • Massa: o preço do undercut
  • Massa: passado de surdez temporária
  • Sonhos com os Bridgestone indestrutíveis
  • Magnussen (destruiu corrida do Kimi)
  • Kimi e o assoalho manco
  • Bianchi vs. Maldonado
  • Futuro da Lotus no campeonato
  • Hamilton: cotovelo na janela
  • Hulk: uma causa popular
  • Grosjean digno
  • Kobayashi
  • Vettel
  • Alonso

Update: aposta “Jogos de Duplas pela Cerveja (Del Valle e Kvyat contra Valesi e Vergne)

Cornetagem ferrarista no Mundial de Construtores

Troféus (Asno Volante, Melhor Piloto)

Link para a corrida no site da Rede Globo (link pelo ouvinte Du Patriota)

Relatório do GP da Malásia no Portal F1 Brasil.

RAI MALAYSIA

Email: contato@podcastf1brasil.com.br

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

Estamos também na TuneIn Radio e no Stitcher, além do iTunes

Música podsafe / Creative Commons: Brother Love e American Heartbreak

Feed do Podcast F1 Brasil: http://feeds.feedburner.com/PodcastF1BrasilPodcast

Para compartilhar:


Carlos Del Valle

Podcaster. Imerso em Fórmula 1. Nada mais lógico do que um podcast sobre Fórmula 1.

49 comentários

Eduardo Casola Filho · 31 de março de 2014 às 15:44

Espero que o pessoal não ache que eu tenha pegado pesado demais com alguns envolvidos na história…

    Carlos Del Valle · 31 de março de 2014 às 15:53

    Thinking is free, talk is cheap

raphaelwilker · 31 de março de 2014 às 15:50

AEEEEE !
Ouvindo now !

    Carlos Del Valle · 31 de março de 2014 às 17:34

    Hehe troféu F5

Valesi · 31 de março de 2014 às 16:05

Mais rápido que o Raikkonen!

    Carlos Del Valle · 31 de março de 2014 às 17:35

    Mais rápido que o Räikkönen com o assoalho manco

raphaelwilker · 31 de março de 2014 às 17:10

O mais legal de ver são as piadas depois do acontecimento desta corrida:
http://globoesporte.globo.com/platb/meiodecampo/2014/03/31/felipe-valtteri-is-faster-than-you/

thyago acosta · 31 de março de 2014 às 18:09

como é bom ouvir opiniões sem aquela ladainha bairrista tupiniquim! yes!

queridos cabeças de gasolina, hj só farei observações da williams:

1. who is the rookie?
que postura infantil do massa ficar de “mimimi” no rádio pq o bottas estava agressivo atrás dele, hein? e que coincidência o bottas ter reduzido o pace, né?
ps.: alguém manda pro massa a entrevista do Chefe pro Sir jackie stewart, por favor? Mas só a parte que o Chefe fala sobre o que é ser um piloto de corridas, ta?

2. v. bottas vs b. senna
concordo plenamente com a opinião de vcs! na verdade passei a tê-la depois da austrália. o cara é rápido, é agressivo e não está ali pra brincadeira.
ps.: alguém manda pro massa a entrevista do Chefe pro Sir jackie stewart, por favor? Mas agora só a parte que o Sir JS questiona sobre ele ser o piloto com o maior número de contatos com outros pilotos na pista, ta?

3. capitão massimento! “quem manda nessa porr* sou eu!”
gostei sim da outra postura do massa não abrindo (simplesmente) para o bottas passar! é isso, porr*! isso é corrida! quer ultrapassar? então faça por merecer a posição! (apesar de que se parar e olhar a os tempos, e fazer uma matemática rápida, o bottas chegaria (sim!) no button.
ps.: alguém manda pro massa a entrevista do Chefe pro Sir jackie stewart, por favor? Mas agora a parte que o Chefe fala de como é difícil ultrapassar e como deve ser a postura de um piloto.. espera um pouco! foi o que o massa fez! será que ele viu a entrevista?.. nao manda nada! vamos só orar pra Nossa Senhora do Pé Direito olhar com mais atenção pro massa, ta?

4. williams who?
cadê a escuderia que afirmava que só ficaria atrás das mercedes? agora, é atrás do time mercedes ou dos outros motores mercedes? não ficou claro! rss

e que veja o bahrain com um “show de imagens”, “daniel ricardo” e chamadas pro programa “do meu amigo fausto silva”

    Carlos Del Valle · 31 de março de 2014 às 21:00

    HUahuahua “CAPITÃO MASSIMENTO” hueheue

    Quanto ao “Williams who?”, só poderemos falar isso se forem mal numa corrida largando mais da frente , e não do Q2 como em Sepang. Estou otimista para o Bahrein 🙂

      thyago acosta · 1 de abril de 2014 às 3:33

      ESTAMOS otimistas, mas não quero ser influenciado pela linha intelectual galvaniana bueno e achar que a coisa está bem.
      pra um time que se mostrou robusto, cheio de horas de pista em testes, resultados interessantes, virar e afirmar que os 2 pilotos brigariam pelos top 6 (com grandes chances de pódium com o massa) e entregar o que vimos em sepang? (ta bom! ta bom! o carro não é bom de curva e em melbourne mostrou uma outra cara do time e do bottas, mas o no. de quebras e ajustes/testes foram consideráveis para que tivéssemos tido o suficiente para carimbarmos qualquer opinião formada)

      ps.: estou acendendo uma vela de 7 corridas pra nossa senhora do pé direito abençoar o massa! rss

        Sérgio Siverly (@SergioSiverly) · 1 de abril de 2014 às 20:12

        O Del Valle foi perfeito quando disse que o que falta para a Williams é um qualy com pista seca. A Ferrari do ano passado andava mal demais em chuva também, assim como a Sauber. Acredito que veremos uma Williams bem forte em Sakhir.

      Tiago Oliveira · 1 de abril de 2014 às 13:57

      Todo ano tem seu cavalo paraguaio, normalmente lá no meio. Esse ano já sabemos quem é.

      E msmo sendo apenas mediano, a Williams ta sorrindo de orelha a orelha por estar onde está.

      Eu nao vi o Bo77as travando roda, buscando espaco, nem colocando de lado, de forma q nao passou o Massa apenas pq nao conseguiu, simples assim. Passar o Button em 3 voltas teria sido pouco plausível.

        Sérgio Siverly (@SergioSiverly) · 1 de abril de 2014 às 20:10

        Ele respeitou a equipe demais, até. Acho que o problema não é com o Bottas e sim com essa onda de “politicamente correto” na F1. Onde está a famosa “faca nos dentes”?!

    Valesi · 31 de março de 2014 às 21:22

    Cara, também acho. Esse negócio de “fulano tá muito agressivo”, “ciclano não deixa eu passar”, “foi ele quem começou” é coisa de (como dizemos aqui em Curitiba) piá de prédio criado pela avó à base de leite tipo A com pera e jogando bolinha de gude no carpete da sala.

    Mete o carro em cima e passa, porra!

      thyago acosta · 1 de abril de 2014 às 3:22

      hell yeah!! boa valesi!!
      por essas e outras que eu não apedrejei o vettel qdo (também) em sepang tivemos o episódio multi 21.
      no momento em que o engenheiro buzina no seu ouvido que o seu companheiro (que vc sabe que é rápido) está subindo e chegando, você vai esperar? muda a porra do mapa do motor e vai até o limite! se é pra ser ultrapassado, que seja com “cojones”!

        Valesi · 1 de abril de 2014 às 16:01

        E se você for o cara que tá mais rápido, enfia o bico de lado, cutuca o companheiro de equipe, força um erro, passa, cacete!

        Sérgio Siverly (@SergioSiverly) · 1 de abril de 2014 às 20:07

        Eu pensei a mesma coisa na época, Thyago. Essas mensagens de equipe deixam a F1 meio bobona, né? Lembro do James Hunt nesses momentos. “You got to have balls”. Se está rápido, me passa na pista. Tem jeito mais honesto de ganhar uma posição?

    raphaelwilker · 1 de abril de 2014 às 22:17

    Cara concordo com você, o Bottas chegaria no Button, mas nesse caso eu sou mais do ponto de vista apresentado na segunda hipótese feita aqui nesse post do Fabio Seixa em seu blog:

    http://sportv.globo.com/site/blogs/especial-blog/blog-fabio-seixas/post/pilulas-do-dia-seguinte-sepang-14.html

Bruna Aquino · 31 de março de 2014 às 18:58

Eu correndo a pé to mais rápida que o Raikkonen!
Hehehe Maldade. Ele vai se recuperar, eu sei!

Paulo "Deutsch" Rusch · 31 de março de 2014 às 19:01

Parabéns pelo trabalho de vocês, conheci o podcast semanas antes de iniciar o campeonato deste ano e não perco um.

Minha torcida é pelo Vettel (Ou qualquer outro alemão)!

    Carlos Del Valle · 31 de março de 2014 às 21:07

    Das ist sehr gut (entschuldigung, mein Deustch ist kaputt, ein Scheisse)

    Valesi · 31 de março de 2014 às 21:24

    Seja bem vindo! Quando tiver tempo, se quiser, tem uns especiais mais antigos que ficaram bons.

    E, quanto a torcer por alemães, tá bem servido esse ano. Aproveita e torce um pouco pro Schumacher sair dessa.

    Abraço!

    Sérgio Siverly (@SergioSiverly) · 1 de abril de 2014 às 20:03

    Apareça sempre, Paulo! Espero que sua torcida por alemães não tenha começado na Segunda Guerra. Hehehehehe. Grande abraço.

Du Patriota · 31 de março de 2014 às 19:37

Na corrida o Reginaldo comentou uma vez que o Mansel deu ré nos boxes, não foi bem uma ré que ele deu não ele quase atropelou todo mundo lá…
Eu achei o link

    Carlos Del Valle · 31 de março de 2014 às 21:04

    Que dia trágico. Assisti isso ao vivo numa TV de tubo 20 polegadas. Gostaria de ter podido mandar um míssil balístico intercontinental na cabeça do Leão nesse dia.

    Sérgio Siverly (@SergioSiverly) · 1 de abril de 2014 às 20:02

    Hahahahahahaha! Que momento Trapalhões!

    raphaelwilker · 1 de abril de 2014 às 22:32

    Pra quem quiser ver essa corrida de carona com o Berger:

Cleidson Alves · 31 de março de 2014 às 23:43

Mais um ótimo programa. Vcs estão de parabéns. O formato está ótimo. Reparei no início um barulho de gelo num copo de vidro. Concluí que era o Del Valle e seu Scotch whisky. Hahaha!
Capitão “Massimento” foi ótima!
Abraço.

    Valesi · 1 de abril de 2014 às 0:15

    Delvas é da cerveja, Cleidson. O barulho foi culpa minha – era uma dose reforçada de Jameson. Tomei até esporro…

    Sérgio Siverly (@SergioSiverly) · 1 de abril de 2014 às 19:59

    Valesi tem que aprendar a dar o mute! Hehehehehe! Gelinho de easter egg.

Tiago Oliveira · 1 de abril de 2014 às 8:33

Senhores, se voces estudarem a carreira do Hülkenberg, vao ver que se no box 2 da RedBull tem uma caveira de canguru, onde quer que o Hülkschen vá, tem pelo menos um bom osso de Schweinhaxe enterrado a 7 palmos. A mao de lodo desse cara é tao foda que foi só a “””Lotus””” lutar pra ter esse cara, que trocou a rivalidade da Red Bull pela Marusia e perdeu até o diretor, além de ter que aturar a dupla MALDANADO + GROSJEAN, a dupla mais improvavel dos ultimos anos! O cara passou pela Williams e no ano seguinte a equipe foi lá pro batente do grid, o cara passa pela Sauber e depois os caras tem que abanar os freios! É bonito ver o cara andando e lutando na pista, mas o que quer que aconteca fora da pista, é encosto bravo!

Acho que o que houve na Williams foi resolvido na pista, se o Bottas tivesse posto de lado, dificiilmente o Massa o atrapalharia, e ele simplesmente nao tentou passar, e essa de “so vou por a cabecinha, se doer eu tiro”, o Massa que é brasileiro nao vai deixar um finlandes engrupir ele. Uma vez o Alonso fez isso, e o passou na entrada no box, hehehe.

Quanto ao barulho, o pessoal tambem esquece que Jim Clark e companhia foram campeoes com um 1.5L de barulho xoxo nos anos 60 e mesmo assim foram anos de glória. Por mais hipócrita que seja essa regra nova, pelo menos agora os motores estao tendo alguma relevancia pro que está acontecendo nas ruas. Pelo menos aqui pelas terras germanicas os carros hibridos e eletricos estao, ano após ano, aumento sua representatividade nas ruas, e por mais que esse periodo de transicao seja de estranheza, é o caminho que se tomaria no futuro, invariavelmente. Precisamos de mais montadoras pra mexer mais esse caldo que virou um triunvirato, e a Honda já virá com algum diferencial, infelizmente Porsche/Audi/VW nao estao com interesse na F1 por enquanto, mas oremos pra que vejamos mais novidades tecnologicas e menos difusores e aletas que só sao relevantes pra nós, e que se tornam lixo de fibra de carbono em poucos dias.

André Lemos · 1 de abril de 2014 às 13:35

Programa show! A melhor alteração na formula 1 em anos de anestesia tecnológica foi a adoção de motores turbos e v6 melhores ainda!!!! o podcast é show infelizmente não tenho como dar nota e ou ajudar vc pois escuto o podcast no windows phone por um app que não me dá essa opção mais a minha nota é 1000 para vcs! e pergunta onde podemos assistir as corridas na íntegra sem ser ao vivo?
Valeu!
André Lemos
Iguatu-CE

    Valesi · 1 de abril de 2014 às 16:05

    Valeu, André! Teu comentário já é nosso salário. Espalhe a palavra para outros cabeças de gasolina, que quem puder dá nota!

    E, quanto ao link, aí no post tem um da Globo, que mantém treino e corrida em HD por uma semana prá assistir. Dica de um ouvinte nosso.

    Abraço!

Fabiano Forte · 1 de abril de 2014 às 16:54

Antes de mais nada, parabéns pelos 60 casts! Que venham muitos mais!
E o pessoal da McLaren que se prepare, que a Ferrari vem aí!…

raphaelwilker · 1 de abril de 2014 às 22:54

To bobo, esqueceram do Chilton.
Ele não merece um premio não ?
Alias sugestão aqui que tal fazem um programa ou uma serie especial falando de todos os brasileiro que passaram pela a F1 ?
Bom tem um ate que acho que vocês podem entrar em contato com ele, é o Alex Dias Ribeiro.
https://www.facebook.com/alexdiasribeirof1

    Carlos Del Valle · 3 de abril de 2014 às 11:50

    É uma idéia excelente mesmo, Raphael 🙂 O Alex Dias Ribeiro é o cara mais gente boa que tem

Chinaski · 2 de abril de 2014 às 2:28

Buenas!
Faltou dizer que no começo da corrida o Massa ficou umas 10 voltas atrás do Magnussen de bico quebrado, 1 segundo mais lento que a outra McLaren, e nem ensaiou passar. Tinha carro e ritmo pra passar o Magnussen logo depois do toque com Raikkonen (Button passou) e brigar com o ingles de cara. Se Massa tivesse se aligerado poderia tentar o undercut pra cima do Button e terminar a corrida disputando com Hulk e Alonso, além de não ter empatado a corrida do Bo77as.

Não achei uma ordem no sentido de dar preferência a um piloto. Foi mais no sentido de “caga ou desocupa a moita”, se não tem competência deixa o outro tentar.

Kobayashi andou a corrida toda perto da Sauber. E Grosjean não foi tão mal quanto todos esperavam, quase até pontuou.

Abraço!

    Sérgio Siverly (@SergioSiverly) · 3 de abril de 2014 às 3:48

    Chinaski, concordo! 🙂 Foi mais uma questão de mudança de poder mesmo. Apareça sempre! 🙂

    Carlos Del Valle · 3 de abril de 2014 às 11:51

    Hehe essa analogia da defecação e a moita ilustrou muito bem, concordo. Também acho que o Button teria algum café no bule se o Bottas chegasse

Deixe seu Comentário