Os súditos da rainha Elizabeth II estão por cima da carne seca. Como nos velhos tempos em que “o Sol nunca se punha no Império Britânico”, o domínio foi extenso. Os ingleses foram campeões de Fórmula 1, Mundial de Endurance, GP2 e GP3, um feito com certeza inédito e difícil de ser igualado.

UK

Fórmula 1: Lewis Hamilton

Mundial de Endurance: Anthony Davidson (junto com S. Buemi)

GP2: Jolyon Palmer

GP3: Alex Lynn 

meme rainha

Camisetas de F1 na Gasolina Store (Loja Online Oficial do PF1BR)

Press Release com Declarações de Todos os Pilotos

Email: contato@podcastf1brasil.com.br

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter e no Instagram

Estamos também na TuneIn Radio e no Stitcher, além do iTunes

Música podsafe / Creative Commons: Brother Love e American Heartbreak

Feed do Podcast F1 Brasil: http://feeds.feedburner.com/PodcastF1BrasilPodcast


Carlos Del Valle

Podcaster. Imerso em Fórmula 1. Nada mais lógico do que um podcast sobre Fórmula 1.

2 comentários

Mateus Gomes · 9 de dezembro de 2014 às 18:07

E na F-Indy o campeão foi o australiano Will Power, que é também um súdito da Rainha Elizabeth II. Definitivamente um ano de júbilo para o automobilismo britânico.

Só a MotoGP em que o britânico Carl Crutchlow teve um desempenho sofrível mesmo disputando a temporada com uma moto de fábrica (Ducati) tomou um vareio do companheiro de equipe e também do piloto da equipe satélite…seria como se o Seb. Vettel além de apanhar para o João Sorrisão ainda perdesse para o (pasmem!Daniil Kvyat.

Tenho certeza que que se fosse nos tempos do avô da Rainha ele seria preso na Torre de Londres, e posteriormente enforcado!! kkkkkkkkkkkkkk

    Carlos Del Valle · 9 de dezembro de 2014 às 19:00

    Bem lembrado sobre o Will Power!

    Sobre o Crutchlow, o cara é bom, mas essa Ducati é uma moto com a tocada muito exótica… Só o Stoner mesmo que conseguiu domar aquela trapizomba

Deixe seu Comentário