(Este é um artigo escrito, portanto não clique Play! Teremos podcast nos próximos dias. Aliás, o programa sobre Interlagos será um clássico. Aguardem)

Quem leu nosso texto, explicando que as novas regras limitando o uso da DRS devem ser benéficas para a Ferrari, já sabia de tudo. Mas agora temos o aval de Stefano Domenicali, que afirmou que “a situação com a DRS é algo que teoricamente ajuda”, acrescentando que está “confiante que estaremos numa posição melhor em 2013”.

"Esses meninos juntaram os fatos muito bem mesmo".

“Esses meninos juntaram os fatos muito bem mesmo”.

Para quem não leu, é simples: a Ferrari vem se dando muito mal nos treinos de classificação nos sábados, porém não fica tão longe em ritmo de corrida. Se Alonso conseguisse largar na primeira fila, ou ao menos na segunda, teoricamente não dependeria da chuva para tentar vencer. A vitória no seco em Hockenheim e o segundo lugar em Silverstone, também no seco, ilustram bem isso. O espanhol largou na pole em ambas as ocasiões.

A chave para o desempenho ruim no treino de sábado, que depois melhora bastante na corrida, parece ser o uso da asa móvel DRS em todo o circuito, que é permitido tanto nos treinos livres como no treino oficial de classificação, mas proibido no domingo. O conjunto traseiro da Ferrari reage mal no momento de uma freada com a asa aberta, demorando para recuperar a downforce, tornando a traseira do carro instável e o piloto inseguro. Ainda mais em treino de classificação, quando a confiança em frear além de Deus me livre e fazer a curva à maneira “salve-se quem puder” é importante.

Há mais detalhes aerodinâmicos no nosso já mencionado artigo da semana passada.

Links e notícias usados ou mencionados neste episódio:

Domenicali diz que a Ferrari não será uma jabiraca em 2013 (Autosport britânica)

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

Feed do Podcast F1 Brasil: http://feeds.feedburner.com/PodcastF1BrasilPodcast

Para compartilhar:


Carlos Del Valle

Podcaster. Imerso em Fórmula 1. Nada mais lógico do que um podcast sobre Fórmula 1.

Deixe seu Comentário